É Tudo Verdade - Festival Internacional de Documentários

É Tudo Verdade - Festival Internacional de Documentários


São Paulo e Rio de Janeiro, 10 a 19/04/2015

Completando 20 anos, o Festival Internacional de Documentários É Tudo Verdade começa no dia 9 de abril, em São Paulo, e no dia 10 de abril, no Rio de Janeiro, apresentando 109 filmes de 31 países, 16 deles inéditos.

Segundo Amir Labaki, fundador e diretor do festival, serão feitas neste ano três homenagens. “Há, na verdade, três efemérides a celebrar: os 80 anos de um dos maiores cineastas brasileiros, Vladimir Carvalho, o centenário de nascimento de um de nossos inspiradores, Orson Welles (1915-1985), e as duas décadas do festival”, disse ele.
 
Os 20 anos do festival serão comemorados especialmente com duas mesas-redondas, que vão discutir a produção documental do período, e uma retrospectiva de filmes chamada 20! Vinte aos Pares.
 
A sessão de abertura vai apresentar o filme Últimas Conversas, o último documentário dirigido por Eduardo Coutinho (1933-2014). Com cerca de uma hora e meia de duração, Coutinho dialoga com jovens estudantes cariocas. "Últimas Conversas não carregava, de origem, as marcas de um filme de despedida, mas é um belíssimo fecho para uma das obras mais originais da história do documentário mundial e do cinema brasileiro”, disse o diretor.
 

Participação Francesa

A programação conta com 10 filmes franceses, produções e co-produções, espalhadas entre as mostras. Documentários como Cartunistas- Soldados de Infantaria  da Democracia da diretora Stéphanie Valloatto e A França É Nossa Pátria de Rithy Pann, presente na Competição Internacional de Longas e Médias-Metragens.
A francesa Laetitia Mikles fará parte da banca de juris da competição.

O festival termina no dia 19 de abril em São Paulo e no Rio de Janeiro, mas depois seguirá para Belo Horizonte (29 de abril a 4 de maio), Santos (7 a 10 de maio) e Brasília (27 de maio a 1º junho).  A entrada é gratuita.
 
Para a programação completa, acesse o site

Ordenar por: título | data de exibição | cidade

Programação

  • A Casa da Rua Arbat
  • A Casa da Rua Arbat
  • A Casa da Rua Arbat

A Casa da Rua Arbat

La Maison de la Rue Arbat (Federação Russa, França 1993). De Marina Goldovskaya. Em cores/59’.

Sinopse, São Paulo

Sinopse

Uma síntese da história russa no século XX emerge das memórias dos residentes de uma antiga casa na rua Arbat, em Moscou. Construída no começo dos anos 1900 como uma rica residência para famílias privilegiadas, depois da Revolução de 1917 tornou-se uma moradia coletiva. Pessoas de diferentes origens foram deslocadas e ali forçadas a conviver.

São Paulo

  • Centro Cultural Banco do Brasil - São Paulo
    13/04/2015 às 14h
    Rua Álvares Penteado, 112 — Sé, São Paulo
  • A França é a Nossa Pátria
  • A França é a Nossa Pátria

A França é a Nossa Pátria

La France est Notre Patrie (França 2015). De Rithy Pahn. Em cores/75’.

Sinopse, Rio de Janeiro, São Paulo

Sinopse

Usando apenas imagens e vídeos de arquivo, o documentário faz um panoramo da colinazação francesa na indochina que durou qusase um século. Apesar das imagens cotidianas que, aparentemente, pretendiam registrar a collonização, percebemos o teor impositivo de uma cultura sobre a outra.

Rio de Janeiro

  • Oi Futuro Ipanema
    17/04/2014 a 17/04/2015 às 15h
    Rua Visconde de Pirajá, 54 — Ipanema, Rio de Janeiro
  • Espaço Itaú de Cinema Botafogo
    18/04/2015 às 17h
    Praia de Botafogo, 316 Térreo — Botafogo, Rio de Janeiro

São Paulo

  • Cine Livraria Cultura - Sala 1
    16/04/2015 às 17h
    Conjunto Nacional Av. Paulista, 2073 — Cerqueira Cesar, São Paulo
  • Cartunistas- Infantaria da Democracia
  • Cartunistas- Infantaria da Democracia
  • Cartunistas- Infantaria da Democracia

Cartunistas- Infantaria da Democracia

Caricaturistes - Fantassins de la Democratie (França 2014). De Stéphanie Valloatto. Em cores/106’.

Sinopse, Rio de Janeiro, São Paulo

Sinopse

Após condenação do dinamarquês Kurt Westergaard, autor de uma charge de Maomé, por fundamentalistas, o projeto do filme nasce em defesa da liberdade de expressão. São ouvidos doze cartunistas de todo o mundo, entre eles, o francês Plantu, a tunisiana Nadia Khiari, o burquinense Damien Glez, o norte-americano Jeff Dazinger, o palestino Baha Boukhari, o russo Mikhail Zlatkovsky, a venezuelana Rayma Suprani e o cubano-mexicano Angel Boligan. Todos discorrem sobre seus métodos de trabalho e busca de inspiração, bem como sua batalha diária, ainda que bem-humorada, para manter-se afiados e resistir contra poderes que, sem cessar, os pressionam ou perseguem severamente.

Rio de Janeiro

  • Espaço Itaú de Cinema Botafogo
    14/04/2015 às 19h
    Praia de Botafogo, 316 Térreo — Botafogo, Rio de Janeiro
  • Espaço Itaú de Cinema Botafogo
    19/04/2015 às 17h
    Praia de Botafogo, 316 Térreo — Botafogo, Rio de Janeiro

São Paulo

  • Cine Livraria Cultura - Sala 1
    15/04/2015 às 19h
    Conjunto Nacional Av. Paulista, 2073 — Cerqueira Cesar, São Paulo
  • Cinco Câmeras Quebradas
  • Cinco Câmeras Quebradas
  • Cinco Câmeras Quebradas

Cinco Câmeras Quebradas

Five broken cameras (França, Holanda, Israel, Territórios Palestinos Ocupados 2011). De Emad Bornat, Guy Davidi. Em cores/94’.

Sinopse, Rio de Janeiro, São Paulo

Sinopse

Em 2005, uma pequena cidade na Cisjordânia foi dividida por um muro, construído pelo governo israelense. Com o argumento oficial de proteger um povoado das redondezas, eles prepararam o terreno para a tomada de posse de 150 mil judeus israelenses. Mas o agricultor Emad, morador da região, decidiu armar-se de uma câmera e de formas pacíficas de protesto para tentar conservar suas terras.

* Oscar 2013 - Indicado ao prêmio de Melhor Documentário.
* Festival de Jerusalém 2012 - Melhor Documentário Israelense.
* Festival de Sundance 2012 - Melhor Direção em Documentário.

Rio de Janeiro

  • Centro Cultural Banco do Brasil RIO
    16/04/2015 às 20h
    Rua Primeiro de Março, 66 — Centro, Rio de Janeiro

São Paulo

  • Centro Cultural Banco do Brasil - São Paulo
    18/04/2015 às 20h
    Rua Álvares Penteado, 112 — Sé, São Paulo
  • Essa é a Minha Terra
  • Essa é a Minha Terra
  • Essa é a Minha Terra

Essa é a Minha Terra

This Is My Land (França 2014). De Tamara Erde. Em cores/93’.

Sinopse, Rio de Janeiro

Sinopse

Realizado pela diretora israelense radicada em Paris Tamara Erde, o documentário examina de que maneira israelenses e palestinos ensinam a história de seus povos em suas respectivas escolas em Israel e na Faixa de Gaza. Acompanhando-se, ao longo de um ano letivo, as atividades de seis escolas independentes – apenas uma delas misturando alunos árabes e judeus – observa-se as dinâmicas pedagógicas e curriculares, que, quase sem exceção, limitam-se a ensinar os valores de seu próprio lado, ignorando o outro.

Rio de Janeiro

  • Instituto Moreira Salles
    14/04/2015 às 16h
    Rua Marquês de São Vicente, 476 — Gávea, Rio de Janeiro
  • Instituto Moreira Salles
    16/04/2015 às 18h
    Rua Marquês de São Vicente, 476 — Gávea, Rio de Janeiro
  • Jasmine
  • Jasmine
  • Jasmine

Jasmine

(França 2013). De Alain Ughetto. Com Jean-Pierre Darroussin. Em cores/70’.

Sinopse, Rio de Janeiro, São Paulo

Sinopse

Neste relato pessoal, o animador e documentarista francês Alain Ughetto reconta seu romance do passado com a iraniana Jasmine.

Rio de Janeiro

  • Centro Cultural Banco do Brasil RIO
    13/04/2015 às 16h
    Rua Primeiro de Março, 66 — Centro, Rio de Janeiro

São Paulo

  • Centro Cultural Banco do Brasil - São Paulo
    19/04/2015 às 16h
    Rua Álvares Penteado, 112 — Sé, São Paulo
  • O Justiceiro no Quarto 164
  • O Justiceiro no Quarto 164
  • O Justiceiro no Quarto 164
  • O Justiceiro no Quarto 164

O Justiceiro no Quarto 164

El Sicario: Room 164 (Estados Unidos, França 2010). De Gianfranco Rosi. Em cores/80’.

Sinopse, Rio de Janeiro, São Paulo

Sinopse


Este homem matou centenas de pessoas, é um expert em tortura e sequestro, e por muitos anos foi comandante na polícia estadual de Chihuahua. Neste momento, há um contrato de $250,000 por sua vida.

Rio de Janeiro

  • Centro Cultural Banco do Brasil RIO
    13/04/2015 às 20h
    Rua Primeiro de Março, 66 — Centro, Rio de Janeiro

São Paulo

  • Centro Cultural Banco do Brasil - São Paulo
    16/04/2015 às 20h
    Rua Álvares Penteado, 112 — Sé, São Paulo
  • Verdades e Mentiras
  • Verdades e Mentiras
  • Verdades e Mentiras

Verdades e Mentiras

Verites et Mesonges (Alemanha, França, Irã 1973). De Orson Welles. Em cores/85’.

Sinopse, Rio de Janeiro, São Paulo

Sinopse

Documentário formalmente livre de Orson Welles sobre falsificação, centrado no notório falsário de artes Elmyr de Hory e em seu biógrafo, Clifford Irving, também escritor da celebrada autobiografia fraudulenta do milionário norte-americano Howard Hughes. O filme aborda ainda aspectos da vida do recluso Hughes e da própria carreira de Welles.

Rio de Janeiro

  • Oi Futuro Ipanema
    13/04/2015 às 17h
    Rua Visconde de Pirajá, 54 — Ipanema, Rio de Janeiro

São Paulo

  • Cine Livraria Cultura - Sala 1
    16/04/2015 às 19h
    Conjunto Nacional Av. Paulista, 2073 — Cerqueira Cesar, São Paulo
  • Centro Cultural Banco do Brasil - São Paulo
    19/04/2015 às 19h
    Rua Álvares Penteado, 112 — Sé, São Paulo