A Senhora-Lavabo

A Senhora-Lavabo

La Dame-Lavabo (França 1988).

De Alain Cavalier. Documentário em cores/13’.


Uma jornada de trabalho com Amélia, faxineira de banheiros no subsolo do Royal Printemps, grandiosa cafeteria situada em frente à loja de departamento Printemps, no boulevard Haussman. Ela fala sobre seu trabalho e também comenta sobre como encontra objetos abandonados por pequenos ladrões, como ela faz pequenos serviços aos clientes... Mas sobretudo, Amélia ama a arte lírica e sempre que pode se rende à Ópera, comprando o lugar mais acessível.

"Esses retratos são encontros que eu não queria deixar cair em esquecimento, mesmo que seja só enquanto você assiste a eles. São mulheres que trabalham, que têm filhos e que, ao mesmo tempo, mantêm sua independência de espírito. Filmei 24 retratos de 13 minutos cada. Escolhi este curto intervalo de tempo por várias razões: não se tornar um aborrecimento, impedir inserções comerciais de TV, fazer o filme de forma ágil, em ritmo uniforme e sem tantos riscos. Não sou um documentarista. Sou mais como um amante de rostos, mãos e objetos. Mostrar a realidade não é meu objetivo. "Realidade" é apenas uma palavra, assim como sua irmã gêmea "ficção", que eu pratico também, mas com um prazer diferente." -Alain Cavalier


Presente nos festivais