Chantal Lauby



Participação nos filmes

  • A gaiola dourada
  • A gaiola dourada
  • A gaiola dourada

A gaiola dourada

La cage dorée (França, Portugal 2013). De Ruben Alves. Com Chantal Lauby, Jacqueline Corado, Jean-Pierre Martins, Joaquim de Almeida, Rita Blanco, Roland Giraud. Em cores/90’.

Sinopse

Sinopse

Um casal de imigrantes portugueses, Maria e José, vive há mais de trinta anos no térreo de um belo prédio parisiense, em sua querida portaria. Maria, excelente zeladora e José, mestre de obras excepcional, são respeitados e admirados pelos moradores do local. Um dia, no entanto, uma herança inesperada proporciona aos dois a oportunidade de sair da pequena casa onde moram e voltar a Portugal, onde levariam uma vida luxuosa. Mas os habitantes do prédio não estão prontos a abandonar os preciosos serviços de Maria e José, e vão usar todas as armas necessárias para mantê-los no local. 
  • Leila
  • Leila
  • Leila
  • Leila
  • Leila

Leila

Toi, moi, les autres (França 2010). Com ABEL JAFRI, Chantal Lauby, Leïla Bekhti. Em cores/90’.

Sinopse

Sinopse

De Audrey Estrougo.


Gab está com a vida acertada: uma noiva, um casamento sendo organizado, uma família rica. Leila mal consegue viver a sua: os estudos de Direito, um irmão mais novo problemático, a mãe que morreu cedo… Quando Gab atropela o irmão mais novo de Leila, há o choque entre os dois mundos e o início de uma grande história de amor, que vai mexer com a realidade de maneira violenta. Tina, amiga íntima de Leila, é ameaçada a ser levada para a fronteira e presa por não ter documentação legal. Enquanto o mundo de Leila se desmorona, Gab está pronto para fazer tudo por ela, até se opor ao seu pai, chefe de polícia. E quem foi que disse que nada era impossível em se tratando de amor..?

  • Melanie, A Feia
  • Melanie, A Feia
  • Melanie, A Feia

Melanie, A Feia

Vilaine (França 2008). De Jean-Patrick Benes. Com Chantal Lauby, Frédérique Bel, Liliane Rovère, Marilou Berry. Em cores/93’.

Sinopse

Sinopse


Melanie é uma garota feia, e por ser amável demais, acaba sendo explorada por todos a seu redor. Ingênua e generosa, é enganada por sua prima Aurore, acreditando em um príncipe encantado. Decidida a se vingar, Melanie se transforma em vilã: dá o troco no chefe, apronta com as amigas de Aurore, e dá 'conselhos' a todos, calculando seus efeitos.

  • Que Mal Eu Fiz a Deus?
  • Que Mal Eu Fiz a Deus?
  • Que Mal Eu Fiz a Deus?

Que Mal Eu Fiz a Deus?

Qu'est-ce qu'on a fait au Bon Dieu? (França 2014). De Philippe de Chauveron. Com Chantal Lauby, Christian Clavier. Em cores/97’.

Sinopse

Sinopse

O casal Verneuils tem quatro filhas. Católicos, conservadores e um pouco preconceituosos, eles não ficaram muito felizes quando três de suas filhas se casaram com homens de diferentes nacionalidades e religiões. Quando a quarta anuncia o seu casamento com um católico, o casal fica nas nuvens e toda a família vai se reunir. Mas logo eles vão descobrir que nem tudo é do jeito que eles querem.
  • Você e Eu
  • Você e Eu
  • Você e Eu
  • Você e Eu
  • Você e Eu

Você e Eu

Toi et moi (França 2006). De Julie Lopez-Corval. Com Chantal Lauby, Eric Berger, Jonathan Zaccai, Julie Depardieu, Marion Cotillard. Em cores/90’. Classificação etária Livre.

Sinopse

Sinopse

Redatora de foto-novela para a revista "Você e Eu", Ariane tende a escrever sua vida amorosa e a de sua irmã Lena, reinventando-as um pouco. No entanto, suas vidas não tem nada de novela: Ariane fica presa a Farid, que não se interessa por ela, e Lena está entediada com seu namorado, François. Mas e se Ariane se entregasse ao amor de Pablo, o belo operário que trabalha no prédio? E se Lena se apaixonasse por Mark, o violinista prodígio que acaba de conhecer? Entre realidade e foto-novela, as duas irmãs encontrarão por fim o grande amor?