Mediacine
Destaques da semana

FESTIVAL ÓPERA NA TELA EM SÃO PAULO E NO RIO DE JANEIRO

Entre os 18 e 27 de outubro, o Festival Ópera na Tela acontecerá pela primeira vez em São Paulo, no Museu da Casa Brasileira. Já entre os dias 31 de outubro e 12 de novembro, a 5ª edição do Festival em terras cariocas acontece no Parque Lage.

O festival apresentará filmes digitais e legendados do melhor das temporadas de óperas europeias recentes, tornando acessível a atualidade lírica mundial ao público brasileiro. Na seleção desta edição, constam obras de VerdiOffenbachPucciniMozartGluckMonteverdi e Lehár. As projeções serão realizadas em uma estrutura montada em tenda cristal com capacidade, mobiliário confortável, tela gigante e alta qualidade de som e imagem, proporcionando uma experiência única de assistir às montagens mais grandiosas de ópera a preços acessíveis.

No intuito de democratizar a arte lírica e formar novas plateias, o Festival também propõe ações educativas. Entre elas, será realizada uma ópera com 400 crianças, O Principe de Palavrastortas, cuja apresentação acontecerá nos dias 05 e 06 de novembro no Teatro Riachuelo, no Rio de Janeiro. Para ser viabilizada essa iniciativa social, o Festival está realizando um financiamento coletivo no site https://benfeitoria.com/operaparacriancas, e aqueles que contribuirem poderão ganhar ingressos para as apresentações no Teatro Riachuelo e para o Festival Ópera na Tela.


CINEMA BRASILEIRO NA REVISTA CAHIERS DU CINEMA

O cinema brasileiro foi tema da edição de setembro da revista francesa Cahiers du Cinema.

Com o récem-lançado filme brasileiro Bacurau (2019), de Kleber Mendonça Filho e Juliano Dornelles, em sua capa, a publicação aborda a situação do cinema brasileiro na atualidade. O filme, vencedor do Prêmio do Júri do Festival de Cannes de 2019, é tema de um artigo e seus diretores são entrevistados por Camille Bui e Joachim Lepastier para a publicação.

Ao longo de 25 páginas dedicadas ao país, estão também presentes entrevistas com cineastas e estudiosos do cinema brasileiro como Fellipe Barbosa, Eryka Rocha, Marco Dutra, Camila Freitas, Guto Parente e Scheila Schvarzman

Para conferir mais informaçôes, acesse o site da publicação. 


ESPECIAL JEAN ROUCH EM RECIFE

Entre os dias 06 e 08 de setembro, acontece o Especial Jean Rouch no Cinema da Fundação Joaquim Nabuco em Recife.

Engenheiro de pontes e estradas, o premiado Jean Rouch descobriu no cinema, e, sobretudo, na etnografia, uma força motriz para contar histórias, influenciando a geração de cineastas da Nouvelle Vague. É um dos representantes e teóricos do cinema direto, tendo cunhado o subgênero da etnoficção e conquistado a admiração de vários realizadores e amantes do cinema ao redor do mundo. Rouch dedicou-se a observar as comunidades tradicionais africanas, denunciando suas transformações em decorrência ao colonialismo inglês.

Com entrada gratuita, a mostra exibe os três dos clássicos documentários etnográficos de um dos mais influentes realizadores franceses: A Caça ao Leão com um Arco (1965), Pouco a Pouco (1970) e  Eu, Um Negro (1958), que tornou-se um clássico da etnografia e venceu o Prêmio Louis Delluc de Melhor Filme daquele ano.

Para mais informações sobre a programação, acesse o site.


RETROSPECTIVA COMPLETA DE JEAN VIGO EM SÃO PAULO E NO RIO DE JANEIRO

O Instituto Moreira Salles organiza a Mostra Tudo é Paulo Emílio, em homenagem à Paulo Emílio Salles Gomes, um dos maiores pensadores do cinema brasileiro e mundial. Ele foi o autor da primeira obra extensa sobre Jean Vigo, estudo pioneiro inclusive na França.

No âmbito desse programa, será realizada uma retrospectiva completa de Vigo, com a exibição dos filmes, em cópias restauradas em DCP,  Zero em comportamento (1933), A propósito de Nice (1930), realizado junto de Boris KaufmanTaris ou A Natação (1931) e O Atalante (1934).

Bernard Eisenschitz, programador e pesquisador responsável pela restauração dos filmes do Vigo estará presente os apresentando e exibindo seu filme de arquivo, Filmagem no inverno (2017), que reúne e comenta takes não utilizados em O Atalante de Vigo. Além disso, Eisenschitz participará de um debate junto das professoras Stephanie Dennison (Universidade de Leeds) e Maite Conde (Universidade de Cambridge). 

25 e 26 de setembro e 1º de outubro: IMS de SP

28 a 29 de setembro: IMS do Rio


13ª MOSTRA CINEBH E 10º BRASIL CINEMUNDI EM BELO HORIZONTE

Entre os dias 17 a 22 de setembro, acontecem a 13ª Mostra CineBH e o 10º Brasil CineMundi, festival internacional e evento de mercado que serão realizados em Belo Horizonte.

Além de exibições de filmes, homenagens, programa de formação, encontros de coprodução, entre outras atividades, este ano algumas ações estarão ampliadas em comemoração aos 10 anos do Brasil CineMundi, o principal evento de mercado do país dedicado exclusivamente ao cinema brasileiro. 

David Hurst, produtor na Dublin Films é o convidado da Embaixada da França, juntamente com Neuza Bagorro, produtora na Epicentre Films. 

David Hurst, ingressou na Dublin Films em 2011 e agora é o CEO da empresa e seu principal produtor. Ele se dedica a uma forte linha editorial e luta pela diversidade cultural. Ele é apaixonado por apoiar talentos emergentes e cinema independente em todo o mundo, especialmente na América Latina.

Neuza Bagorro trabalha, desde 2017, na Epicentre Films, uma distribuidora e produtora independente de filmes, com sede na França, como parte dos departamentos de aquisições e produção.

Está prevista a participação deles nos meetings com os projetos selecionados e também em mesas de debate.


EXIBIÇÃO DE "ACOSSADO" DE JEAN-LUC GODARD EM 35 MM NO CINESESC SP

No dia 17 de setembro, às 21h, o CINESESC SP realizará uma exibição de Acossado (À bout de souffle) (França, 1960), de Jean-Luc Godard. Por meio da exibição no formato 35 mm, o projeto busca reavivar a experiência do cinema em película. De clássicos a filmes contemporâneos, o CineSesc convida para rememorar a fotografia em movimento.

Um dos mais famosos filmes da Nouvelle Vague, o drama, protagonizado pelos atores Jean Seberg e Jean-Paul Belmondo, conta a história de Michel Poiccard que, após roubar um carro em Marselha,  segue para Paris. No caminho mata um policial, que tentou prendê-lo por excesso de velocidade, e em Paris persuade a relutante Patricia Franchisi, uma estudante americana com quem se envolveu, para escondê-lo até receber o dinheiro que lhe devem. Michel promete a Patricia que irão juntos para a Itália, no entanto o crime de Michel está nos jornais e agora não há opção. Ele fica escondido no apartamento de Patricia, onde conversam, namoram, ele fala sobre a morte e ela diz que quer ficar grávida dele. Ele perde a consciência da situação na qual se encontra e anda pela cidade cometendo pequenos delitos, mas quando é visto por um informante começa o final da sua trágica perseguição.

Antes da exibição, haverá lançamento do livro É Chique Morar em Paris?, da escritora e jornalista Márcia Camargos.

 


FESTIFRANCE EM BELO HORIZONTE E NO RIO DE JANEIRO

O FESTiFRANCE é uma mostra francesa de cinema que, desde 2015, ocorre anualmente; tem como funcionalidade a competição de curtas, médias e longa-metragens, com filmes produzidos por produtoras audiovisuais francesas. Com isso, a ideia é atribuir, a estas produções, visibilidade internacional e a notoriedade artística do cinema independente europeu. Como mostra competitiva, promove o contato entre público, júri, profissionais e jovens cineastas. Além das exibições, o FESTiFRANCE traz workshops, conferências e oficinas sobre cinema.

Após sua etapa carioca, o FESTiFRANCE chega à Belo Horizonte, especialmente, no MIS Cine Santa Tereza, entre os dias 04 e 15 de Setembro. A programação é gratuita, e será composta pela exibição das mostras competitivas de curtas-metragens, documentários, animações e retrospectivas, e de mostras especiais, como "Carta Branca: Talents Adami/Cannes 2019" ,"50 Anos Le Grec" e "Mostra Competitiva de Cinema Africano"O festival também ocorrerá nas escolas públicas de Brumadinho e, no dia 09 do mesmo mês, o presídio feminino Estevão Pinto receberá um workshop a fim de cumprir seu programa de integração e de ações sociais/humanitárias.

Por fim, em 16 de Setembro, o FESTiFRANCE contará com uma sessão no CineMaison no Rio de Janeiro. 


Cinemaison no Rio de Janeiro

09.09 CINEMAISON


Em cartaz no Brasil
Vision

05.09 VISION

(França, Japão 2018). De Naomi Kawase. Com Juliette Binoche, Masatoshi Nagase e Takanori Iwata. Em cores/109’. Classificação etária 16 anoa.

Jeanne, uma jornalista francesa, vai ao Japão em busca de Vision, uma erva medicinal rara que nasce a cada 997 anos em circunstacias especiais, e promete curar toda a angústia e fraquesa espiritual da humanidade. Um evento milenar está prestes a ocorrer nas montanhas Yoshino de Nara, abrindo uma porta para o verdadeiro potencial da existência humana.


12.09 ADEUS À NOITE

L'adieu à la nuit (França 2018). De André Techiné. Com Catherine Deneuve, Kacey Mottet Klein, Oulaya Amamra. Drama em /103’.

Muriel está emocionada ao ver Alex, seu neto, que veio passar alguns dias na casa dela, antes de ir morar no Canadá. Intrigada com o comportamento do rapaz, Muriel logo descobre que ele está mentindo para ela. A verdade é que Alex está se preparando para uma outra vida. Desesperada, ela terá de agir muito rapidamente.


12.09 QUEM VOCÊ PENSA QUE SOU

Celle que vous croyez (Bélgica, França 2018). De Safy Nebbou. Com Guillaume Gouix, Juliette Binoche e François Civil. Em /101’. Classificação etária 16 anos.

Desconfiada de seu marido Ludo, Claire Millaud, de 50 anos, decide criar um perfil falso em uma rede social. Lá, ela atende por Clara, uma bela jovem de 24 anos. Alex, amigo do seu marido, é uma das pessoas com a qual o avatar interage. O homem acaba se apaixonando por Clara, enquanto Claire, por trás das telas, também nutre um sentimento de amor por Alex. Apesar de tudo se desenrolar no mundo virtual, as emoções evocadas são bastante reais, e podem trazer complicações para ambos.


Na França

FESTIVAL BIARRITZ AMÉRICA LATINA 2019

Este ano, o Festival Biarritz América Latina apresenta sua vigésima oitava edição entre os dias 30 de setembro e 06 de outubro. O evento tem como objetivo expandir a cultura latino-americana pela França através de diversas artes.

Para isso, o Festival seleciona filmes realizados por diretores latino-americanos ou residentes do continente, que tenham sido finalizados entre setembro de 2018 e setembro de 2019, e que sejam inéditos na França, salvo participantes do Festival de Cannes, para serem exibidos nas mostras competitivas de Longa-Metragem de Ficção, Curta-Metragem de Ficção e Longa-Metragem Documental.

Na programação deste ano, os filmes A Vida Invísivel de Eurídice Gusmão (2018), de Karim Aïnouz, coproduzido por Brasil e Alemanha, e A Febre (2019), de Maya Da-Rin, coproduzido por Brasil, França e Alemanha, competem na categoria Longa-Metragem de Ficção. Já o filme brasileiro Mirante (2019), de Rodrigo John, compete na categoria Longa-Metragem Documental, enquanto que na categoria Curta-Metragem de Ficção, competem os filmes brasileiros O Mistério da Carne (2018), de Rafaela Camelo, e Planeta Fábrica (2018), de Julia Zaika.

Ao longo de sua programação, também ocorrem mostras não competitivas de filmes, exibições especiais e homenagens. Nesta edição, o homenageado é o cineasta brasileiro, Júlio Bressane, que estará presente no festival e exibirá seus filmes Sedução da Carne (2018), Beduíno (2016) e Educação Sentimental (2013).

Para mais detalhes sobre a edição deste ano do Festival Biarritz América Latina, acesse o site do festival.


ABERTAS AS INSCRIÇÕES PARA O CINELATINO DE TOULOUSE DE 2020

Já estão abertas as candidaturas para a 32ª edição do Festival Cinélatino - Rencontres de Toulouse,  que acontecerá entre os dias 20 e 29 de março de 2020 na cidade de Toulouse, na França.

As inscrições podem ser realizadas até o dia 18 de novembro, e estão aptos a se inscrever no festival filmes, sejam eles de obras de ensaio, ficção, animação, documentário, experimental e novos formatos, de diretores latino-americanos, produzidos nos anos de 2018 e 2019. O festival também recebe, em seções não competitivas, trabalhos de cineastas e produtores não latino-americanos cujos filmes são relacionados à América Latina.

Para as informações completas sobre a inscrição de filmes na 32ª edição do Festival Cinélatino - Rencontres de Toulouse, acesse o site.


NA EUROPA

FRANCESES E BRASILEIROS SELECIONADOS PARA O FESTIVAL INTERNACIONAL DE SAN SEBASTÍAN

A 67ª edição do Festival Internacional de Cinema de San Sebastían acontece este ano entre os dias 20 e 28 de setembro na Espanha.

Recentemente foram divulgados os filmes que serão exibidos nesta edição. Dentre eles, para a Seleção Oficial, produções e coproduções francesas, além de uma brasileira, foram selecionadas: o filme brasileiro, Pacificado, dirigido por Paxton Winters; o filme francês, Thalasso, dirigido por Guillaume Nicloux; a coprodução entre Cazaquistão e França, A Dark-Dark Man, dirigida por Adilkhan Yerzhanov; a coprodução entre Alemanha e França, Das Vorspiel, dirigida por Ina Weisse; a coprodução entre Espanha e França, La Trinchera Infinita, dirigida por Aitor Arregi, Jon Garaño e Jose Mari Goenaga; e a coprodução entre França e Alemanha, Proxima, dirigida por Alice Winocour.

Além disso, para a mostra Horizontes Latinos, foram selecionados os filmes: Aranã, de Andrés Wood, coproduzido por Chile, Argentina e Brasil; Nuestras Madres, de César Díaz, coproduzido pela França, Bélgica e Guatemala; e os filmes de Jayro Bustamante, Temblores, coproduzido pela Guatemala, França e Luxemburgo, e La Llorona, coproduzido pela Guatemala e França.

Para mais informações sobre os filmes selecionados para esta 67ª edição, acesse o site do Festival Internacional de Cinema de San Sebastían.


SIGA-NOS NO FACEBOOK, TWITTER E PELO RSS

Facebook Twitter RSS

Caso não consiga visualizar o conteúdo, clique aqui.

Caso não queira mais assinar este boletim, clique aqui.